O que é o CO-OP Austrália? Como funciona?

O Co-op na Austrália está entre as alternativas de quem vai ao país em busca de experiência profissional. Isso porque você pode se dedicar à teoria, prática e voltar ao Brasil com um currículo diferenciado.

Por isso, um programa de estágio pode ser o primeiro passo para uma trajetória de sucesso. E não é de hoje que o blog da Fluencypass traz dicas para estudar e trabalhar no exterior.

Mas a modalidade que vamos abordar neste artigo é o Co-op na Austrália cujo objetivo principal é inserir o estudante no mercado de trabalho australiano

O que é o Co-op?

Os programas de Co-operative education, ou co-op, são do tipo em que o estudante têm alguns semestres de ensino teórico e nos últimos têm contato com empresas, em uma modalidade de estágio obrigatório.

Ainda assim, a organização de cada Co-op depende do curso, do programa, do tipo de visto e da instituição de ensino.

Co-op-na-Austrália

Benefícios do Co-op na Austrália

Além disso, quem embarca num programa de Co-op na Austrália não só melhora o nível de inglês, como desfruta de diversos benefícios:

  • Aplica a teoria na prática: o aprendizado se torna muito mais dinâmico, pois o estudante vai colocar à prova suas habilidades e desenvolver novas competências no ambiente de trabalho.
  • Entrar em contato com a rotina da empresa em questão.
  • Pode ser o caminho para uma oportunidade de emprego.
  • Ajuda na construção de networking pessoal.
  • Confronta expectativa e realidade da área.

Programa de Co-operative education

Os semestres no co-op são diferentes de uma graduação e até mesmo um curso de intercâmbio comum. Como a ideia deste programa é a inserção no mercado de trabalho, muitas vezes as disciplinas são voltadas para isso.

Co-op na Austrália: como ter contato com as empresas?

Normalmente, as escolas e instituições facilitam o contato com as empresas, mas não conte somente com isso. Uma dica é desde o início das aulas frequentar feiras de trabalho e entrar sempre em sites de emprego, busque por “Work placement” para resultados mais acurados.

Além disso, como é preciso completar a quantidade de horas para ser certificado, alguns alunos acabam fazendo o período de estágio em cafés ou restaurantes. Contudo, este não é o mais recomendado, o melhor mesmo é atuar na sua área, pois vai abrir portas para mais oportunidades.

Por falar nisso, ao construir um currículo, adapte ele a realidade do emprego que você busca. Há vagas que o diferencial é mostrar suas experiências anteriores, enquanto outras preferem saber suas habilidades de comunicação ou especialização.

Mas nós temos um artigo aqui no blog de como criar currículo para entrevista, veja aqui!

co-op na Austrália

Preciso pagar a faculdade durante o co-op?

Da mesma forma, quem vai fazer Co-op na Austrália acha que não vai precisar pagar o curso durante o período de estágio. Contudo, como você está com vínculo com a instituição a mensalidade precisa continuar sendo paga.

Ainda assim, você terá a oportunidade de trabalhar full-time, ou seja, 40 horas por semana, o que garantirá um ordenado maior. Para diminuir seus gastos, você pode trabalhar part-time durante os semestres teóricos, mas eles não vão contar como cargo-horária para seu diploma.

Instituições com Co-op na Austrália

Depois de entendermos o que é o Co-op na Austrália e como funciona, vamos conhecer 2 instituições australianas que oferecem programas deste tipo:

Victoria University: Melbourne Australia

A Universidade tem como objetivo desafiar os estudantes e cooperar com a imersão deles no ambiente de trabalho. As aulas além de passar por procedimentos técnicos, são voltadas para as habilidades de liderança, responsabilidade e trabalho em equipe.

Alguns pontos que o estudante passa durante seus estudos são:

  • Análise do horizonte profissional.
  • Auditoria de habilidades reflexivas.
  • Criação de portfólio, currículo e vídeo de apresentação baseado na sua carreira.
  • Consultoria com empregadores.

RMIT University

O programa da RMIT conta com um período de 8 a 12 meses de co-op, com estágio full-time pago e pode ser integrado ao bacharel de negócios (Business). Além disso, a universidade dá apoio em relação a consultoria e mentoria.

Vale ressaltar que já há acordos entre a RMIT e empresas como:

  • Grant Thornton.
  • PWC.
  • Holden.

A última, por exemplo, conta que a “RMIT tem sido uma parceira fantástica nos programas de estágio. No ano de 2017, aproximadamente 50% dos estagiários vieram da RMIT”.

Trabalhar e estudar na Austrália sem Co-op

Um ponto a se levar em consideração é que o Co-op é mais indicado para quem já tem um bom nível de inglês e está focado em determinado ponto da sua carreira. 

Aqueles que querem apenas uma oportunidade para melhorar o inglês e trabalhar para custear a estadia em território australiano podem fazer um intercâmbio. Se você estudar por um período superior a 12 semanas, dá para trabalhar legalmente 20 horas por semana.


Separamos um artigo do blog com 10 dicas de como trabalhar e estudar na Austrália


Quer fazer intercâmbio na Austrália? Compare orçamentos online. É gratuito:

Sabemos que fazer um intercâmbio ou co-op necessita de um grande planejamento, e muitas vezes ficamos perdidos com tantas informações.

Então você precisa contar com quem realmente entende do assunto. Aqui na Fluencypass, temos consultores especializados para tirar todas as duas duvidas e que te ajudam a tomar a melhor decisão!

E o melhor? Você não paga nada a mais por isso! Compare seu intercâmbio gratuito e inicie o seu sonho!

Comece seu planejamento!

Eaí, conseguiu decidir qual o destino ideal para você? Ainda não? Não tem problema!

Aqui na Fluencypass você pode comparar seu intercâmbio, sem pagar nada a mais por isso e sem ter o trabalho de sair de casa!

Não perca a oportunidade de alcançar novos patamares e alavancar de vez sua vida!

Fluencypasshttp://fluencypass.com
Conte com a Fluencypass para dar um up na sua fluência, veja informações de Inglês e Intercâmbio, tenha acesso a conteúdos exclusivos e notícias.

Mais sobre o autor